Inscrições no certame poderão ser realizadas entre os dias 18 de janeiro e 4 de fevereiro de 2016.

De 18 de janeiro a 4 de fevereiro de 2016 estarão  abertas as inscrições para o concurso público da Prefeitura de Natal (RN) onde serão ofertadas nas Secretárias de: Trabalho e Assistência Social, Segurança Pública e Defesa Social e Educação.

As inscrições realizar-se-ão somente via Internet, no site www.idecan.org.br, da IDECAM, que será a organizadora do concurso. A taxa de inscrição para qualquer um dos cargos das secretarias será de R$ 69,77 para os cargos de nível superior e R$ 47,77 para os cargos de nível médio. Aos interessados em tentar a isenção de taxa, poderão fazer a solicitação somente entre os dias 18 e 20 de janeiro somente pelo site mediante alguns critérios como ser hipossuficiente econômico cadastrado no CadÚnico com renda  de meio salário mínimo ou renda familiar mensal de até três salários mínimos, doador de sangue da cidade e prestador de serviço à justiça eleitoral.

As oportunidades na Secretaria de Trabalho e Assistência Social são distribuídas nas seguintes vagas: Administrador (5), Advogado (10), Arte Educador (2), Assistente Social (246), Contador (3), Economista (1), Educador Social (26), Estatístico (2), Nutricionista (4), Pedagogo (34), Psicólogo (82), Sociólogo (1),  Terapeuta Educacional (4). Todos os cargos tem o salário estipulado em R$ 2.396.01, com 30 horas de carga horária. Já os cargos de Nível Médio são para Assistente Administrativo (262), Cuidador (156), Orientador Social (50) com salários de R$ 1.043,80 e  Técnico de Nutrição (4) com salário de R$ 1.060,84. Totalizando 892 vagas há vagas reservadas para pessoas com deficiências e negros e pardos.

As provas do processo de seleção deste concurso consistirão em provas objetivas de múltipla escolha que serão compostas por 10 questões de Língua Portuguesa, 8 de Legislação, 5 de Conhecimentos Gerais e 17 de Conhecimentos Específicos e além discursiva para todos os cargos. Ambas com caráter eliminatório e classificatório. Considerar-se-á aprovado o candidato que obtiver um mínimo de 50% de acertos e não zerar nenhuma das disciplinas. As provas ainda contam com avaliação dos títulos.

Por Helen Galvão





CONTINUE NAVEGANDO: