Prefeitura e Câmara Municipal de Gramado, no Rio Grande do Sul, pretendem abrir Concursos Públicos em breve com a oferta de 100 vagas de emprego.

Pode começar a estudar: previsto o edital do concurso da Prefeitura de Gramado e também para a Câmara de Gramado. O certame vai oferecer 100 vagas e a oportunidade vai contemplar todos os níveis de escolaridade. Que tal antecipar os seus estudos antes da publicação do edital e aproveitar a chance?

Sobre o concurso da Prefeitura de Gramado

O concurso vai oferecer 100 vagas, que serão distribuídas por 72 cargos e a remuneração inicial, que varia de acordo com a função, pode chegar a R$ 13 mil.

Além do concurso da Prefeitura de Gramado, também terá oportunidades para Câmara de Vereadores e para a autarquia de turismo: a Gramadotur. Além das 100 vagas previstas, o certame também terá cadastro reserva. Desta maneira, os candidatos poderão ser chamados ao longo da validade do certame.

Banca em critério de definição

A banca para o concurso da Prefeitura de Gramado e dos outros órgãos ainda está em processo de escolha. No início do ano, a Fundação La Salle chegou a ser divulgada, porém o processo de licitação foi inviabilizado. Este é o primeiro certame, em Gramado, que será unificado e vai abranger todos os cargos.

Etapas do concurso

O projeto básico do concurso da Prefeitura de Gramado já foi divulgado e os interessados serão avaliados por meio de 3 etapas. A primeira, por exemplo, abrange todos os cargos e será a prova objetiva.

A segunda etapa será prova prática para os cargos de motorista e operador de máquina. Para nível superior, também terá análise de títulos.

A prova objetiva será composta 40 questões, sendo 10 de raciocínio lógico e matemático, 10 de legislação, 10 de português e 10 de conhecimentos específicos que mudam de acordo com cargo. A prova objetiva valerá um total de 100 pontos. O último certame ocorreu em 2010 e foi organizado pela banca FUNDATEC

Dicas de estudo para o concurso da Prefeitura de Gramado

Como a banca está em processo de definição, este é o melhor momento para você começar a sua preparação, porque o edital ainda não está publicado.

O primeiro passo é você organizar a sua rotina, para estabelecer o seu horário de estudo. Quantas horas poderá se dedicar por dia? Não estabeleça metas que sejam incompatíveis com a sua realidade, pois isso poderá gerar ansiedade.

Faça uma planilha e organize os seus horários de estudo, trabalho e compromissos habituais. No horário que você destinado ao estudo, distribua as disciplinas. Priorize as que tenham um maior peso no edital.

De acordo com o projeto básico do concurso de Gramado, serão cobradas 10 questões de raciocínio lógico e 10 de português. São disciplinas que podem gerar muita dificuldade nos candidatos, por isso, se você não tem base intensifique os estudos.

Compre apostilas que sejam atualizadas e específicas com o edital. Cuidado com materiais desatualizados que existem no mercado.

Se este é o seu primeiro concurso ou você precisa revisar invista em um curso on-line, para ajudar você na memorização dos conteúdos, sobretudo em relação à legislação, prazos, entre outros detalhes que podem fazer a diferença para a sua aprovação.

Foque na sua preparação. Não perca tempo ou energia se comparando com outras pessoas, pois cada um tem um caminho. Faça a sua parte e estude com constância, pois este é o segredo da aprovação.

Estudar para concurso público exige comprometimento, força de vontade e muita disciplina. Por isso, dedique-se e pague o preço para colher os frutos do sucesso, pois vai valer a pena.

Faça atividades físicas e mantenha uma alimentação saudável. Equilíbrio é fundamental para você aguentar a maratona de estudo. Se a grana estiver curta, por exemplo, faça uma caminhada. Uma simples volta no quarteirão muda o seu dia!

Compartilhe a notícia do edital do concurso da Prefeitura de Gramado nas suas mídias sociais e sucesso!

Por Babi


Seleção deverá ofertar vagas para o cargo de técnico ministerial.

O Ministério público do Ceará, que também pode ser denominado pela sigla MP-CE, deve deixar confirmado, o mais rápido que puderem, qual será a banca organizadora do seu novo concurso público aberto, o mesmo terá disponibilidade nos cargos para técnicos e para analistas.

A escolha feita pelo Ministério foi confirmada este ano, mais especificamente no mês de agosto, quando foi feita a divulgação da portaria que constitui a comissão do certame. Espera-se também que a quantidade de vagas ainda deve ser confirmada, mas já se sabe que os os cargos que serão contratados com oportunidades já estão certos. E para quem está ansioso para saber quais são, as oportunidades serão para as aptidões de técnico ministerial, este que não necessita de ensino superior, mas sim apenas no médio, e analista ministerial, que diferente do anterior, necessita de ensino superior. Para técnicos, a remuneração inicial é de R$ 2.935,08, e assim para analistas o salário é de R$ 4.815,59.

A comissão ainda tem um prazo de 90 dias para sua formação final, tendo assim, até o mês de novembro para a finalizar seus trabalhos, o que ainda inclui a contratação da banca organizadora. Mas espera-se que tudo isso seja feito ainda neste semestre.

A comissão possui em sua presidencia o conhecido promotor de justiça que também atua no cargo secretário-geral, Haley de Carvalho Filho e ainda tem mais uma pessoa em seu topo, sendo a também conhecida promotora de justiça e assessora do procurador-geral Daniele Carneiro Fontenele, e ainda podem ser inclusas mais algumas pessoas que ajudarão no processo, que são, Francisco Gladson Batista Maia, Cicila Daiane Barbosa de Oliveira Duarte e Ana Lúcia Sudário Dias Branco, .

Atribuições dos cargos citados

Pensando primeiramente nas atribuições para o cargo de técnico, suas atividades estão à prestar dar suporte na parte de administração ao órgão, ele nele incluem, serviços de cartório ou também secretaria, porém, tudo feito dentro do Ministério Público, além de poder fazer a distribuição e auxílio na tramitação dos processos que são feitos dentro do Ministério, e por último podem ser feitas digitações de coisas do Ministério.

Tendo em mente agora o cargo de analista, este prestará auxílio diretamente aos membros do próprio Ministério Público, podendo ser o Promotor ou Procurador de Justiça do local, e isso pode ser via elaboração de minutas de pareceres, e algumas outras coisas que se incluem na parte processual. Mais ainda que isso, tem ainda o cumprimento de tarefas no setor administrativo, como a leitura de ofícios, controle das pautas das audiências e também sessões.

Detalhes do último concurso

Pensando nos cargos que foram disponibilizados, é normal pensar que a última seleção foi feita há pouco tempo, no ano 2013, que apesar de parecer muitos anos, ainda é pouco para um cargo muitas vezes muito disputado, porém, no ano as vagas foram para cargos diferentes, nas áreas de direito e também ciências da computação. A banca organizadora, na vez, foi a Fundação Carlos Chagas.

Na prova direcionada aos técnicos teve o número total de questões de 70, nelas estavam inclusas, 30 que eram de conhecimentos gerais, 20 de conhecimento da língua portuguesa e mais 10 de informática e mais 40, essas que eram de conhecimentos gerais na área.

Agora para os analistas que necessitavam de ensino superior na parte de direito foram 30 questões de conhecimentos gerais e nelas eram inclusas a matérias de língua portuguesa, que continha 20 questões e também 10 de informática e ainda contava com 40 de conhecimentos específicos da área de direito.

Então para você que quer se manter por dentro da divulgação oficial, fique ligado nas atualizações do MP-CE para que não perca datas.

Gustavo Martins


Concurso prevê preencher 400 vagas em diversos cargos na Prefeitura de Campina Grande, na Paraíba.

Muitas instituições realizam concursos públicos por acreditarem que esse é melhor processo seletivo, o mais justo e que de fato apontam os melhores candidatos através dos resultados. Devido a isso, a quantidade deste tipo de processo admissional vem crescendo muito no Brasil e consequentemente o número de candidatos também. Pois, todos sabem que os concursos públicos oferecem uma boa remuneração e muitos benefícios para as pessoas que são aprovadas. Uma das últimas instituições que anunciou que vai realizar esse tipo de processo seletivo nos próximos meses foi a Prefeitura de Campina Grande, no estado da Paraíba.

Para saber todas as informações que foram divulgadas até agora leia o texto abaixo.

O órgão municipal da cidade de Campina Grande no estado da Paraíba, de tempos em tempos, realiza diferentes edições de concursos públicos para a contratação de novos funcionários. Visto que em uma cidade do porte de Campina Grande, a demanda de serviços para que o município funcione da melhor maneira possível é muito grande. Além disso, esse tipo de processo seletivo é realizado devido à necessidade de se manter um bom número de empregados no quadro de funcionários. Já que muitos funcionários ao longo do tempo se aposentam, outros mudam de emprego e outros têm os contratos encerrados.

Por isso colocar pessoas nestes cargos que ficam vagos é de extrema importância. A Prefeitura de Campina Grande ainda está na fase inicial do concurso público. Com isso nenhum documento ou edital foi publicado. Inicialmente vão ser oferecidas cerca de 400 vagas de emprego, sendo elas divididas para as áreas, sobretudo, da saúde e da educação. Duas áreas carentes de profissionais hoje na cidade.

A previsão é que o edital seja divulgado nos primeiros meses do próximo ano. Com isso, informações como: quais os postos de trabalho oferecido, em quais instituições da cidade, o valor de remuneração para cada cargo, carga horária, benefícios, validade do concurso, quais as etapas do processo seletivo, matérias que vão ser cobradas, taxa de inscrição, se terá vagas destinadas para portadores de necessidades especiais, período de inscrição; banca organizadora, dentre outros. Todos os esses dados vão ser confirmados de forma oficial quando o edital for publicado.

Para qualquer concurso público, existe uma série de pré-requisitos que os candidatos precisam atender. Se os inscritos não atenderem e caso ele seja aprovado, no final esse candidato vai ser desclassificado. Conheça agora alguns dos pré-requisitos, que devem ser anunciados no concurso público da Prefeitura de Campina Grande: ser maior de 18 anos; ter nacionalidade brasileira; não ter pendências judiciais, eleitorais e militares (para candidatos do sexo masculino); ter bons antecedentes criminais; possuir formação necessária para ocupar a vaga que você se inscreveu; ter aptidão física e mental para exercer a função; passar em todas as etapas do processo seletivo, dentre outros pré-requisitos.

O último concurso público realizado pela Prefeitura de Campina Grande no estado da Paraíba aconteceu no ano de 2014. Na ocasião, foram oferecidas mais de 200 vagas, mais precisamente, 250 oportunidades de emprego, para os níveis fundamental, médio e superior. Os cargos oferecidos neste processo admissional foram:

– Ensino Fundamental: motorista.

– Ensino Médio: fiscal de serviços urbanos e fiscal de obras.

– Ensino Superior: supervisor educacional, orientador, professor de educação básica, professor de libras, enfermeiro trabalham como saúde mental, enfermeiro neonatal, enfermeiro intensivista, enfermeiro II nas áreas de obstetrícia, terapeuta ocupacional, psicólogo clínico, nutricionista, psiquiatra, fisioterapeuta, fiscal de tributos municipais, fonoaudiólogo, farmacêutico e engenheiro civil.

A remuneração girava em torno de R$ 720,00 até R$ 10.200,00. O processo seletivo contou com três etapas, caracterizadas por prova objetiva, prova prática e exame prático para quem concorria a vaga de motorista. Se você deseja fazer o concurso do próximo ano, fique atento ao endereço eletrônico da Prefeitura de Campina Grande, que é o: https://campinagrande.pb.gov.br. Todas as informações vão estar postadas no site.

Boa sorte!

Por Isabela Castro


Certame irá contar com 333 vagas em diversos cargos.

A Prefeitura de Goiânia, capital do Estado de Goiás, anunciou, recentemente, que realizará um processo seletivo com o intuito de contratar, aproximadamente, 333 servidores.

É isso mesmo! Nos últimos dias, a Prefeitura de Goiânia confirmou que, logo em breve, deve acontecer um novo processo seletivo que garantirá aos cidadãos cerca de 333 novos postos de trabalho. As vagas devem ser divididas em diferentes funções, no entanto, é certo que os aprovados tenham que trabalhar na Secretaria de Assistência Social do município, a SEMAS.

A publicação do edital ocorreu na última terça-feira, dia 7 de novembro, no Diário Oficial do Município.

O maior objetivo da realização desse processo seletivo é selecionar futuros profissionais a fim de integrarem o quadro de servidores públicos no Centro de Referência de Assistência Social, Programa Bolsa Família, ACESSUAS trabalho, Centro de Referência de Assistência Social e, por fim, na própria sede onde está instalada a SEMAS. Isso porque, nos últimos tempos a SEMAS está trabalhando com um número bastante reduzido de funcionários para atender a grande demanda que emana da população de Goiânia, que é uma das maiores do Brasil.

Tal processo seletivo abre oportunidades para que pessoas com diferentes níveis de escolaridade também possam participar, já que, de acordo com o edital, há vagas disponíveis para aqueles que possuem níveis Fundamental, além de Médio e, por fim, Superior.

As vagas que estão sendo ofertadas são direcionadas às seguintes funções: Agente de Apoio Administrativo e Assistente Administrativo, ou seja, cozinheiros e auxiliares geral; Educador Social; Nutricionista; Analista em Assuntos Sociais (precisa ter formação superior em Pedagogia); Analista em Assuntos Sociais (deve possuir graduação superior em Psicologia) e, por fim, vagas para Assistentes Sociais.

O processo seletivo municipal, na maior parte das vezes, é sempre bastante procurado devido às remunerações que podem variar de acordo com os níveis de escolaridade dos funcionários, além de qual função eles executam. Desse modo, essa variação pode ir de R$ 960,00 até R$ 2.740,00.

Dessa forma, é extremamente importante que o candidato esteja bem preparado para realizar esse exame de seleção, uma vez que, o número de candidatos inscritos visando garantir a conquista de uma vaga é muito grande e, nos últimos meses, devido à crise econômica que acometeu ao país, esses números só tendem a crescer.

Vale ressaltar ainda que, para aqueles que possuem o interesse em participar, o processo será válido até um ano após a sua homologação. No entanto, pode haver uma prorrogação de mais um ano.

Por hora, ainda não foram divulgadas mais informações sobre o certame, já que, até o momento, o processo seletivo ainda passa pela fase mais inicial. No entanto, a Prefeitura de Goiânia disponibilizou em sua página de endereço eletrônico que, assim que surgirem novas atualizações sobre o exame de seleção, as informações estarão acessíveis no site da prefeitura que, nesse caso, é o seguinte: www.goiania.go.gov.br/sistemas/sicon/html/principal.htm.

Somado a isso, é necessário saber de antemão que a banca organizadora do certame decidiu dividir esse processo seletivo em diferentes fases. Desse modo, a primeira fase é a seguinte: uma comissão deve realizar uma análise sobre o profissional, por isso, eles levam em conta a experiência e os cursos de capacitação caso os candidatos os tenham. Essa etapa é de grande importância, já que, pode chegar a até 20 pontos e, além disso, tem caráter eliminatório e classificatório.

Desse modo, passam para a segunda fase os candidatos que fizerem, no mínimo, cerca de 14 pontos. Sendo assim, os participantes podem checar a sua nota bem como sua posição por meio do seguinte endereço eletrônico: https://www.goiania.go.gov.br/sistemas/sicon/html/principal.htm. No mesmo site, os aprovados terão acesso ao local, à data e à hora que deve ocorrer a segunda fase do processo seletivo.

Por Ana Paula Oliveira Coimbra


IADES será responsável pela realização do concurso.

Muitos brasileiros no momento estão na espectativa de que nos próximos dias saia o edital do concurso dos Correios. Também não é para menos, pois as provas ocorrerão por todos os estados do país, exceto o Mato Grosso.

Dessa forma, as vagas são bastante concorridas pois, na atual situação que o mercado de trabalho se escontra, as pessoas procuram por empregos que possam dar maior estabilidade não apenas no presente, mas também no futuro.

Por isso, nos próximos dias a Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (Correios) divulgará o edital do novo processo seletivo. O documento ainda não foi liberado, pois ainda deve passar por algumas pequenas modificações. Contudo, já foi divulgada a instituição responsável pela elaboração das provas e critério de seleção. A banca organizadora será o Instituto Americano de Desenvolvimento (IADES).

Os interessados devem estar sempre atualizados, buscando informações do concurso, pois é possível que até o final do mês de maio já estarão recolhendo o dinheiro das inscrições.

Os concurseiros que se dedicam aos estudos para serem aprovados nesses processos seletivos conhecem a importância de saber qual é a Banca Organizadora, uma vez que apesar das provas não serem identicas, é possível treinar por meio de exames antigos e, dessa forma, chegar prepaparado, já conhecendo o modelo das questões, bem como o nível de dificuldade. Tendo todo esse conhecimeto, a chance de se obter uma nota maior que a dos concorrentes é bem maior.

As provas selecionarão pessoas para ocuparem diferentes funções, isso é, além dos cargos de operador de triagem e carteiro, agora a seleção passa a englobar ramos das áreas de segurança, saúde e engenharia.

Dessa forma, já definiram os cargos, que são de médico do trabalho júnior, engenheiro de segurança do trabalho júnior, auxiliar de enfermagem do trabalho júnior, enfermeiro do trabalho júnior e técnico de segurança do trabalho júnior.

Sendo assim, o concurso de 2017 irá abrangir tanto pessoas com diplomas de conclusão do ensino médio, quanto também diplomas do ensino superior.

Ainda não foi divulgado o número de vagas disponíveis. Mas já há informações sobre os salários iniciais: aqueles que tiverem nível superior e cumprirem com uma jornada de 44 horas por semana, ganharão cerca de aproximadamente R$ 5.000,00. Já os técnicos de segurança do trabalho podem esperar por até R$ 2.600,00 aproximadamente, enquanto que o auxiliar de enfermeiro receberá até R$ 1.880,00. Além do salário, o Correio também disponibiliza outros benefícios como assistência médica e odontológica, vale-alimentação, vale-transporte, auxílio babá, entre outros.

Sirlene Montes


Seleção deverá ofertar oportunidades de nível médio e superior. Remunerações podem chegar a R$ 11 mil.

Quem deseja se tornar servidor público federal deve ficar atento a mais uma oportunidade. A previsão de publicação do edital para o Concurso do Ministério Público da União (MPU) é entre os meses de agosto a outubro de 2017.

O certame já foi autorizado e a comissão está formada desde março desse ano. Em breve deve ser divulgada a banca responsável por organizar o processo seletivo.

O MPU já informou que pretende contratar profissionais para preencher vagas de nível médio e superior. Os cargos oferecidos serão técnico administrativo e analista. A remuneração é de R$ 7.260,41 e R$ 11.345,90, respectivamente.

O último certame do órgão ocorreu em 2013. Os candidatos realizaram provas objetivas com 120 quesitos, dos quais 70 eram sobre conhecimentos específicos e 50 sobre as seguintes disciplinas: legislação aplicada ao MPU, português, conselho nacional do Ministério Público e informática.

As especialidades ofertadas para a função de técnico foram: tecnologia da informação, comunicação e saúde. Já para analista houve vagas para as seguintes especialidades: arquivologia, biblioteconomia, finanças e controle, comunicação social, planejamento e orçamento, engenharias, psicologia, entre outras.

Naquele momento, a banca organizadora foi o Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (CEBRASPE), antes conhecido como Centro de Seleção e de Promoção de Eventos (CESPE/UnB). Mais de 300 mil concorrentes se inscreveram. Até o momento, mais de 4 mil candidatos receberam a convocação. O edital ainda vigente encerra sua validade no mês de agosto.

A distribuição das vagas por estado será divulgada com o edital. Mas há tradição do órgão oferecer vagas para os seguintes estados: Minas Gerais, Rio Grande do Norte, Alagoas, Piauí, Pernambuco, Tocantins, Sergipe, Bahia, Amazonas, Santa Catarina, Piauí, Acre, Mato Grosso, Maranhão, Paraná, São Paulo, Pará, Rondônia, Rio de Janeiro, Paraíba, Mato Grosso do Sul, Espírito Santo, Rio Grande do Sul, além do Distrito Federal.

A jornada de trabalho corresponde a 40 horas por semana. Os aprovados, além de estabilidade após 3 anos de efetivo exercício e aprovação na avaliação de desempenho, terão direito a benefícios como auxílio alimentação, assistência pré-escolar, auxílio transporte, entre outras gratificações.

Se você quer trabalhar no maior órgão de fiscalização do Brasil, aproveite a oportunidade para estudar enquanto o edital não é lançado.

Melisse V.


Certame oferta 750 vagas de nível médio. Inscrições podem ser feitas até o dia 19 de junho.

Se você possui o ensino médio completo e está em busca de uma oportunidade de emprego, precisa saber que estão abertas as inscrições para o concurso público do Corpo de Bombeiros Militar do Estado da Bahia. No total, são 750 vagas que serão preenchidas para o Quadro de Praças referente à corporação.

Quem quiser participar, deve atender alguns requisitos necessários para o cargo. Sendo assim, é necessária a certificação devidamente registrada da conclusão do curso de ensino médio (o antigo 2º grau) ou, ainda, ter formação técnica e profissionalizante em nível médio, necessitando esse ser expedido pela Instituição de Ensino que seja reconhecida pelo Ministério da Educação, o MEC.

Quem quiser se inscrever tem até às 23h59 do dia 19 de junho de 2017 para fazê-lo. O endereço eletrônico disponível para isso é o da organizadora do certame, no www.ibfc.org.br. Para efetivação da participação é necessário pagar uma taxa no valor de R$ 70.

O exercício e ingresso na função de soldado somente acontecerá após a conclusão com êxito desse no curso referente à formação de soldados da Polícia Militar da Bahia. Em relação à jornada de trabalho, essa é de 40 horas por semana.

Durante a realização do Curso de Formação de Bombeiro Militar, o concursado que está matriculado e na condição nomeada de Aluno Soldado receberá o valor equivalente a um salário mínimo (R$ 937). Esse se refere também a título de bolsa de estudos. Após a formação no curso, o salário salta para R$ 2.585,05, constituindo esse o vencimento básico e acrescido de uma gratificação por atividade policial militar, também nos termos da legislação que está vigente e mais 10% por auxílio fardamento.

As vagas

Das 750 oportunidades em aberto, 78 são para pessoas do sexo feminino e 672 vagas para candidatos que sejam do sexo masculino. Essas são distribuídas em regiões, ficando a distribuição da seguinte forma: Em Feira de Santana (3 mulheres e 20 homens), Salvador (29 mulheres e 286 homens), Itabuna (3 mulheres e 12 homens), Ilhéus (3 mulheres e 7 homens), Porto Seguro (6 mulheres e 53 homens), Vitória da Conquista (5 mulheres e 46 homens), Jequié (3 mulheres e 7 homens), Juazeiro (3 mulheres e 20 homens), Itaberaba (3 mulheres e 27 homens), Paulo Afonso (4 mulheres e 40 homens), Santo Antônio de Jesus (7 mulheres e 68 homens), Barreiras (3 mulheres e 27 homens) e, por fim, Teixeira de Freitas (6 mulheres e 59 homens).

As etapas

Quem se inscrever será avaliado por provas tanto objetivas como discursivas, sendo essas de caráter eliminatório e também classificatório. A previsão para a realização dessas é no dia 6 de agosto de 2017, em local e horário que será divulgado a partir de 28 de julho, no site já citado anteriormente da organizadora.

No total, serão quatro horas e meia para a realização dos exames. Nesse tempo está incluído também a leitura das questões e o preenchimento da folha de respostas.

Para visualizar o edital completo e ter mais informações, é muito simples. Basta clicar no link http://fs.esppconcursos.com.br/arquivos/39d09866a13475383a5d486b3011f279.pdf e visualizar mais detalhes.

Kellen Kunz


Edital deverá ser publicado no segundo semestre de 2017. Seleção irá ofertar vagas de nível médio e superior.

Aqueles que têm interesse em obter aprovação em concurso público e trabalhar na área judiciária, podem conferir aqui uma boa notícia. Após o anúncio do Superior Tribunal Militar (STM) sobre a formação da comissão para realizar o certame, a fase seguinte é escolher a banca responsável pela organização do processo seletivo. O concurso visa prover vagas para profissionais com escolaridade de nível médio e superior. A previsão de publicação do edital é para o segundo semestre de 2017.

As oportunidades serão para os cargos de técnico judiciário, oficial de justiça e analista judiciário. Até o momento, há expectativa de 23 chances, mas esse quantitativo pode aumentar, tendo em vista o acréscimo das aposentadorias. Além disso, será formado um cadastro reserva.

A remuneração oferecida varia entre R$ 6 mil e R$ 11 mil. Para o cargo de técnico, os interessados devem possuir ensino médio concluído. Já para os demais, exige-se dos concorrentes a formação de nível superior.

No último concurso, ocorrido em 2010, a organizadora foi o Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (CEBRASPE), antes conhecido como Centro de Seleção e de Promoção de Eventos da Universidade de Brasília (CESPE/UnB).

Naquele momento, as 106 vagas foram distribuídas para os seguintes municípios: Salvador, Juiz de Fora, Manaus, Rio de Janeiro, Santa Maria, Porto Alegre, Campo Grande, São Paulo, Fortaleza, Bagé, Belém, Curitiba e Brasília, sede do STM. As inscrições custaram R$ 72 para analista e R$ 55 para técnico.

Houve oportunidades para as seguintes especialidades: engenharia civil, administração, execução de mandatos, comunicação social, engenharia elétrica, contabilidade, arquitetura, psicologia, estatística, engenharia mecânica, economia, medicina, enfermagem, biblioteconomia, análise de sistemas, arquivologia, segurança, telecomunicações e eletricidade, revisor de textos.

Além de provas objetivas com 120 questões no formato "certo e errado", foi aplicada a avaliação discursiva para o cargo de analista e o teste de aptidão física para os candidatos ao cargo de técnico judiciário – área administrativa – especialidade segurança.

Confira as disciplinas cobradas na prova objetiva: português, atualidades, informática, código de ética dos servidores militares, direito constitucional, organização da justiça militar, direito administrativo e conhecimentos específicos.

Espera-se que também haja oportunidades para as auditorias do Tribunal, situado em todos os estados do Brasil.

Melisse V.


Documento deverá ser publicado entre maio e junho deste ano.

O edital para a abertura de um novo concurso público para a Defensoria Pública do Rio Grande do Sul (DPE RS) deverá ser publicado entre os meses de maio e junho de 2017. A informação foi divulgada pela assessoria de comunicação do próprio órgão. Ao que se sabe até o momento, as vagas oferecidas serão para técnicos (nível médio) e analista (nível superior). Entretanto, ainda não se sabe com certeza quais áreas serão contempladas.

O anúncio do novo concurso foi confirmado oficialmente por meio de publicação na página do órgão em redes sociais.

Agora, o próximo passo será a formação da comissão que será responsável pela análise e estruturação do edital. A equipe deverá ser composta por defensores públicos ativos, pelo defensor público geral do estado e por um secretário-executivo.

Cargos

Os cargos que contarão com vagas neste concurso público ainda serão definidos. Mas a observar pelo último concurso, a oferta de vagas poderá ser para:

  • Analista (nível superior): Informática, Engenharia Elétrica, Engenharia Civil, Arquitetura, Administração, Economia, Contabilidade, Clínica Médica, Cardiologia, Oftalmologia, Psiquiatria, Psicologia, Enfermagem e Comunicação Social.
  • Técnico (nível médio): Edificação, Eletrotécnica, Telecomunicações, Segurança (CNH), Transporte (CNH), Informática e Enfermagem.

A remuneração oferecida aos contratados oscilam entre as cifras de R$3,5 mil e R$6 mil, já inclusos os benefícios inerentes a função.

Etapas do concurso.

A primeira fase contará com a aplicação de provas escritas de caráter eliminatório e classificatório (língua portuguesa, conhecimentos específicos, legislação institucional e raciocínio lógico matemático).

Na segunda etapa teremos provas escritas compostas exclusivamente por questão discursivas.

Conforme a função, a terceira fase contará com análise de títulos, análise prática, física ou técnica.

O último concurso DPE RS foi realizado em 2012. Na época a organização ficou a cargo da Fundação Carlos Chagas (FCC). Foram oferecidas aos candidatos 398 vagas distribuídas entre as funções de técnico e analista (cargos de nível médio e superior).

Nomeações no último certame

No último concurso a oferta foi de pouco mais de 300 vagas, ainda assim foram convocados mais de 1.000 servidores.

É um bom indicador para quem está planejando se preparar para este concurso público. A maior parte das vagas e das convocações foram ocupadas por candidatos à Técnico e Analista Processual.

Para maiores informações acesse www.defensoria.rs.def.br.

Por Denisson Soares


Certame irá oferecer 775 vagas de emprego para funções de nível fundamental, médio, técnico e superior de escolaridade.

A Prefeitura de Uberlândia, que está localizada no interior do estado de Minas Gerais, vai publicar um edital visando ao preenchimento de 775 vagas, que serão distribuídas entre 94 cargos.

O certame vai contemplar oportunidades para nível fundamental, médio, técnico e superior. Os aprovados serão lotados em diversas Secretarias de áreas relacionados à saúde, educação e desenvolvimento social e trabalho. Além disso, do quantitativo de vagas previstas, 120 serão destinadas para o efetivo de Guarda Municipal. Portanto, os interessados devem ficar atentos e iniciar os estudos.

A licitação para o concurso já foi aberta, e o processo é para escolher a empresa que vai ser a organizadora do certame. O último concurso para o Órgão ocorreu no ano de 2011 e na ocasião contou com 1.694 vagas, e teve o prazo de validade por dois anos e foi prorrogado por igual período.

A expectativa é que o edital seja publicado em pouco tempo. Que tal conferir algumas dicas de estudo?

  • Os professores podem ajudar ( e muito) os estudantes. Por isso, procure fazer cursos que sejam conhecidos. Desta forma, além de assimilar a matéria, o candidato vai poder conhecer mais sobre a organizadora do concurso que almeja.
  • Além do estudo teórico, é fundamental treinar exercícios. A resolução de questão auxilia na memorização e também a conhecer sobre a banca organizadora do concurso. Além disso, o estudante pode conhecer as possíveis pegadinhas.
  • Sabia que há muitas questões de provas, que são parecidas? Tente resolver o maior número que puder.
  • Organize os seus estudos por meio de uma planilha. Coloque metas diárias para serem estudadas. Porém, coloque metas compatíveis com a sua realidade. Não coloque nada do que não pode cumprir. A sua planilha de estudo deve ser realista.
  • Foque na qualidade do seu estudo, ou seja, Como você estuda? Seja produtivo dentro do seu tempo disponível.
  • Lembre-se de que você é o responsável por sua aprovação.

Boa sorte e sucesso! 

Por Babi


As oportunidades são para professores e os salários podem chegar a R$ 4.247,00

A Prefeitura de Fortaleza está divulgando que serão abertas o mais rápido possível as inscrições para um novo concurso, voltado para a contratação de 1.679 professores. O concurso ainda não foi aprovado e a prefeitura de Fortaleza divulgou que as solicitações foram encaminhadas diretamente para a Câmara Municipal pedindo a liberação da realização do mesmo.

O prefeito Roberto Cláudio concorda com a realização do certame e alega que deve ser realizado o mais rápido possível, pelo fato de atualmente haverem professores que passam por um trabalho precário e estressante, ou seja, esses profissionais vão ser substituídos por profissionais efetivos e concursados, ao mesmo que serão vinculados diretamente com o município. Fora que, para ajudar a demanda na área do ensino a prefeitura nos últimos dias, também foi realizada a convocação de exatamente 400 assistentes voltados para o ensino infantil.

Quais são os cargos que envolvem esse tipo de contratação?

Segundo as informações que circulam dentro da própria Prefeitura de Fortaleza, esse concurso visa realizar a contratação inicial de exatamente 940 pedagogos e também 739 professores.

Para o último cargo, os aprovados serão direcionados para ministrar aulas das matérias de Português, Matemática, História, Geografia, Inglês, Ciências e também Educação Física.

Para o cargo de pedagogo ou para o cargo de professores é necessário apresentar uma formação completa no que diz respeito ao nível superior, pois somente serão contratados profissionais que estejam dentro desse tipo de padrão.

Por que a necessidade da realização urgente desse concurso?

Porque a Prefeitura precisa de profissionais que consigam atender os 20 Centros de Educação que vão ser inaugurados até o mês de dezembro desse ano e ainda, na gestão atual, há previsão da construção de mais de 60 centros.

Outro ponto é o fato que foi destinado R$ 10 milhões para realizar melhorias do parque escolar da cidade, na qual, desse valor, 60% foram entregues diretamente para os Distritos de Educação e com isso eles devem decidir sobre  as demandas prioritárias de cada regional.

Existe a informação sobre a remuneração oferecida?

Estima-se que esses cargos devem exigir uma dedicação de 200 horas/aula para realizarem as suas atividades e os salários iniciais devem ficar em torno de R$ 2.824 (para profissionais que apresentam graduação completa), R$ 3.524 (para os que contam com especialização) e R$ 4.247 (para os com diploma de mestrado).

Por Fernanda de Godoi


As oportunidades são para os cargos de auditor e analista

Foi aprovado na Câmara Municipal de São Paulo o projeto de lei 311/2014 que visa à criação de vagas por meio de preenchimento de concurso público. O projeto está aguardando a sanção do Prefeito, que também será o responsável por pela autorização do primeiro concurso para os cargos.

O projeto de lei cria 300 vagas para o cargo de auditor e analista. Ele foi aprovado mas teve alterações. No texto original tinha 800 vagas e esse número mudou para 300, sendo 100 para o cargo de auditor municipal de controle interno e 200 para o cargo de analista de politica pública e gestão governamental.

A expectativa é que no primeiro certame tenha 100 vagas para cada cargo. As remunerações mudam de acordo com a função, sendo de R$ 13.900,00 para auditor e R$ 9.000,00 para analista. Para concorrer às oportunidades, é preciso ter nível superior

Os aprovados no concurso irão trabalhar na Controladoria Geral do Município (CGM) e os analistas serão lotados na Secretaria Municipal de Planejamento, Orçamento e Gestão (Sempla).

Os interessados em ingressar no serviço público podem aproveitar a oportunidade e iniciar os estudos, uma vez que estes cargos são muito concorridos. O candidato pode fazer uma planilha de estudo com as matérias pertinentes de cada cargo.

Além disso, é fundamental que ele saiba escolher um bom material de estudo, que deve estar atualizado de acordo com as leis e jurisprudência. O interessado pode pedir sugestões de cursos, livros e materiais para outros estudantes. O local de estudo deve ser confortável com boa iluminação e silencioso.

É preciso que o candidato mantenha o foco, a disciplina e a perseverança. Também é fundamental que ele estude fazendo exercício da banca organizadora do concurso para conhecer o estilo de prova e as pegadinhas. Outra dica, é fazer revisões constantes, para manter o conteúdo na memória. Sucesso e boa sorte nos estudos!

Por Babi





CONTINUE NAVEGANDO: