Concurso Prefeitura de Jundiaí SP 2017 – Inscrições



  

Certame oferta vagas para a função de Auditor Fiscal de Tributos Municipais.

Não é surpresa para ninguém que a crise política que se instalou no cenário nacional, no início de 2015, acabou por interferir também no meio econômico, tornando, desse modo, a crise sistêmica. Dessa forma, muitas empresas e indústrias, desde as pequenas até aquelas de grande porte tiveram que reduzir o número de funcionários, e, assim, fizeram muitas demissões ou deixaram de realizar novas contratações.

O efeito direto disso forma a estatística assombrosa de quase 14 milhões de desempregados.

É durante períodos como esses que as pessoas começam a repensar novos meios de se adquirir uma renda fixa. Dessa maneira, os concursos que antes já eram concorridos passam a ter ainda mais candidatos por vagas. Isso porque os servidores público, às vezes, possuem alguns benefícios que outros empregos não oferecem. Por isso, os concurseiros de plantão já devem estar sabendo sobre o concurso público que será realizado pela Prefeitura de Jundiaí, no Estado de São Paulo.

Já foi divulgado também o nome da banca organizadora, que será o Instituto Brasileiro de Administração Municipal. O edital do concurso foi publicado e o objetivo é admitir profissionais para a seguinte função: Auditor Fiscal de Tributos Municipais. Ao todo, serão oferecidas três vagas.

Além de ser aprovado no concurso público, o profissional precisa possuir outras qualificações como diploma de graduação em Direito, Matemática, Economia, Ciências Contábeis ou Administração.





Caso seja contratado, precisa cumprir uma carga horária semanal de cerca de 40 horas. A remuneração pode chegar a até R$ 9.200 por mês. Além disso, há um auxílio transporte de R$ 300 bem como auxílio alimentação de quase R$ 600.

Os interessados devem fazer a sua inscrição até o dia 13 de julho, no seguinte endereço eletrônico: www.ibamspconcursos.org.br. O valor da inscrição é de R$ 100.

A prova será composta por questões objetivas e acontecerá no dia 20 de agosto de 2017. Posteriormente, os aprovados passarão por uma prova dissertativa na segunda fase.

Vale ressaltar ainda que, o concurso terá validade para os próximos 2 anos, que serão contados a partir da homologação.

Aqueles que querem se dedicar a estudar para o concurso podem baixar provas antigas no site da banca organizadora e, dessa forma, treinar o máximo possível para sair na frente dos concorrentes.

Por Sirlene Montes



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *